Gypsy Willow Dusk*

23jul09

Assisti novamente ‘Uma verdade inconveniente’, do Al Gore,  com minha amiga Luzia e, depois do filme, caminhando pela Osvaldo Aranha já gelada e escura, chegamos a algumas conclusões. Uma delas: All you need is love.

Cada vez mais, se tivermos discussões sobre natureza e aquecimento global, as pessoas rotulam esses assuntos como papo de hippie ou ativista barato de Greenpeace ou algo do gênero. Não é sintoma pós-filme, é cair na real enquanto eu não fechar os olhos como a maioria. Cada vez mais achamos necessário acumularmos coisas, coisas e coisas. Espiritualidade (não religião, para deixar claro), não faz parte da vida das pessoas,achamos lindo individualismo moderno enquanto nossas relações são cada vez mais distantes e sem nosso domínio, dominadas pelas tecnologias. Não sei se vejo futuro e mudança para esse caminho que a humanidade está trilhando e deixando para as próximas gerações, mas só sei que o mundo que eu quero pra mim não pode ser dominado pelo material. Todo mundo sabe que eu tenho um lado ripongo e que só acredito no amor, mesmo quando eu tento mostra meu lado durão e insensível (e em mais umas cositas a mais :-]).

* não sei o porquê do título.

Anúncios


No Responses Yet to “Gypsy Willow Dusk*”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: